rede-rs-cidade-2024-brasil-inovador-rio-grande-sul-aldo-rosa-ceo-reconstrucao-doacoes-resgate-acolhimento-abrigo-municipio-enchente-randoncorp-daniel-instituto-elisabetha-randon
industria-inovadora-2024-rede-brasil-inovacao-esg-ia-innovation-startup-aldo-rosa-ceo-palestrante-cni-sesi-senai-iel-feira-fiesp-sp
super-inovador-varejo-2024-rede-brasil-inovacao-esg-ia-ecossistema-hub-startup-aldo-rosa-ceo-palestrante-abras-supermercado-gs1-brasil-em-codigo-1d-2d-(16)
industria-inovadora-2024-rede-brasil-inovacao-esg-ia-innovation-startup-aldo-rosa-ceo-palestrante-cni-sesi-senai-iel-sesi-apex-interplast-feira-congresso-plastico-apta

Entenda qual o potencial da Business Intelligence na Engenharia de Produção

Entenda qual o potencial da Business Intelligence na Engenharia de Produção

A Engenharia de Produção exerce um papel crucial no planejamento e gerenciamento produtivo das empresas, demandando atualização sobre tendências de mercado e habilidades analíticas. Já a Business Intelligence emerge como ferramenta essencial, simplificando dados complexos para decisões embasadas. Descubra qual o potencial da BI nessa área de Engenharia com o texto a seguir, do Engenharia 360!

Entendendo o conceito de Business Intelligence (BI)

O Business Intelligence (BI) teve origem nos anos 80 e evoluiu para atender demandas competitivas e estratégicas, auxiliando na agilidade comercial e análise de tendências.

Mas vamos volta à explicação do que é Business Intelligence. Pois bem, trata-se do conjunto de processos e tecnologias que agrupam e analisam dados para fornecer informações estratégicas às organizações. Seus objetivos são, por exemplo, fornecer feedbacks, melhorar o desempenho, apoiar decisões estratégicas, monitorar o progresso, identificar tendências, antecipar problemas, etc.

O conhecimento em Business Intelligence deve ajudar demais os engenheiros a traduzir dados complexos, auxiliando na identificação de padrões, tendências e áreas de melhoria nos processos de produção e gestão.

Conhecimentos prévios que os engenheiros de produção precisam para trabalhar com Business Intelligence (BI)

Empresas que buscam processos mais seguros e certificados necessitam justamente de maior clareza de dados devido à necessidade de tomar decisões informadas e embasadas em informações precisas. Isso é crucial, é claro, para que se possa garantir a conformidade com padrões de qualidade e certificações, aumentando a eficiência operacional e a confiança de colaboradores e investidores.

Nesse cenário, aqueles engenheiros mais atentos à inovação, com conhecimentos prévios em BI, como controles estatísticos de qualidade, KPIs (Indicadores-chave de desempenho) e familiaridade com análise de dados, devem se adequar tranquilamente à esse nicho de mercado. Aliás, essa análise de dados é essencial tanto na Engenharia de Produção quanto no BI. Até porque ambos os campos lidam com coleta, interpretação e uso estratégico de informações para otimizar processos e tomar decisões.

Anota aí: os engenheiros JÁ POSSUEM uma base sólida para compreender os aspectos técnicos do BI, tornando mais fácil a adoção e aplicação das ferramentas de BI em suas atividades profissionais.

Vantagens do Business Intelligence para a Engenharia de Produção

Empresas que adotam sistemas de BI colhem benefícios como alinhamento estratégico, eficiência operacional e confiança de colaboradores e investidores. E profissionais de Engenharia de Produção podem se destacar ao aprofundar seus conhecimentos em BI. Por exemplo, aplicando suas habilidades em análises e controles estatísticos para impulsionar a inovação em um mercado em constante evolução.

São benefícios significativos que o Business Intelligence (BI) oferece para as empresas na tomada de decisões e agilidade comercial, especialmente na área de Engenharia de Produção:

Tomada de Decisões

Primeiramente, a Business Intelligence fornece feedbacks valiosos através da análise de dados, permitindo que as empresas tomem decisões informadas e baseadas em evidências. Logo reduzindo o risco de decisões inadequadas e ajuda a direcionar os recursos de forma mais eficaz.

Agilidade Comercial

Em seguida, através da análise contínua de dados em tempo real, a BI permite que as empresas respondam rapidamente às mudanças do mercado. Também se ajustem suas estratégias conforme necessário. Isso é crucial para manter a competitividade e aproveitar as oportunidades emergentes.

Eficiência Operacional

Ademais, a BI identifica áreas de melhoria nos processos produtivos e logísticos, otimizando a alocação de recursos, reduzindo desperdícios e aumentando a eficiência geral.

Expansão

Por último, podemos citar que a BI auxilia no planejamento estratégico para a expansão, fornecendo informações sobre mercados que são o alvo do trabalho, demanda do consumidor e tendências relevantes, permitindo que as empresas se posicionem de forma mais precisa e bem-sucedida.


https://engenharia360.com